Agricultura

Fundão lidera consórcio para estudar aplicação da IoT na Agricultura

Fundão lidera consórcio para estudar aplicação da IoT na Agricultura

A Câmara Municipal do Fundão vai liderar um consórcio europeu que tem como objetivo estudar a internet aplicada à agricultura e ao ambiente. De acordo com o presidente do município, Paulo Fernandes, este projeto poderá permitir contribuir para melhorar a qualidade de vida nas cidades.

“Neste projeto temos como grande tema a ‘Internet das Coisas’ aplicadas ao espaço rural, nomeadamente ao espaço agrícola, ou seja, como é que podemos fomentar a atração de empreendedores, de conhecimento, de tecnologia e de empresas para podermos ajudar a dinamizar o ecossistema de empresas tecnológicas que se concentrem, sobretudo, no setor agrícola e do ambiente”, explicou o presidente da Câmara Municipal do Fundão.

O projeto, batizado de ‘IoTXchange’, está integrado no programa europeu ‘URBACT III’ e inclui ainda as cidades de Razlog (Bulgária), Dodoni (Grécia), Nevers (França), Jelgava (Letónia), Ånge (Suécia) e Kezmarok (Eslováquia), bem como uma região da Alemanha (Saxony-Anhalt) e a universidade finlandesa Åbo Akademi.

A iniciativa tem um financiamento global de cerca de 130 mil euros e vai decorrer até março deste ano, prevendo-se que sejam criados planos de ação para cada uma das cidades incluídas na iniciativa. “O grande desafio é percebermos onde é que estão os pontos de interesse comum e partilharmos as boas ideias e os bons projetos que possam ser alargados a outras cidades”, conclui Paulo Fernandes.