Vinhos

Este clube é só para quem gosta de vinhos

clube de vinhos

Chama-se ‘Clube Blend 6’ e foi apresentado esta semana como “o primeiro Clube de Vinhos em Portugal fruto da união, ao mais alto nível, de seis produtores de vinhos com provas dadas em diferentes regiões vitivinícolas”. Falamos dos produtores Anselmo Mendes, Boas Quintas, Esporão, José Maria da Fonseca, Quinta do Monte d’Oiro e Quinta Nova N. S. do Carmo, que juntos pretendem partilhar com os outros “o entusiasmo que sentimos quando abrimos uma garrafa antes de a apresentarmos no mercado.”

Para criar o ‘Clube Blend 6’ juntaram-se, assim, a vários parceiros de luxo – a Aston Martin, a Jaguar, o Credit Suisse e a David Rosas, de forma a unir o vinho a outros prazeres da vida e “criar experiências memoráveis.”

“Os nossos sócios vão poder acompanhar-nos nos momentos mais determinantes para a qualidade dos nossos vinhos, desde a vindima, o estágio, a composição dos lotes, etc. Ao abrir aquela garrafa, o vinho traduz uma história que conhecemos, que é a justificação da qualidade que percebemos. Selecionamos para o Clube os nossos melhores vinhos. As novas colheitas e as novas referências ‘Gama do Clube’ serão prioritariamente apresentados no seio do Clube, antes da sua entrada no mercado. Será ainda apresentado todo um programa de eventos vínicos abertos à inscrição dos sócios – Visitas a Caves e Adegas, Jantares Temáticos, Provas Comentadas, etc. Os sócios adquirem os vinhos no Clube em condições especiais (entregas personalizadas nas moradas indicadas, desconto permanente na ‘Gama do Clube’, informação detalhada dos vinhos adquiridos, harmonizações gastronómicas, longevidade previsível, etc. Propomos que façam esta caminhada connosco e possam desfrutar o prazer na degustação de vinhos incomparáveis”, explicam os responsáveis pelo projeto.

Quem pode ser membro? De acordo com os responsáveis pelo projeto, a adesão até ao próximo dia 30 de abril faz com que possa ser considerado ‘Sócio Fundador’, contudo, tem um custo: uma quota anual de 300 euros que dá o acesso a duas garrafas do Alvarinho Curtimenta 2014 (Monção/Melgaço), duas garrafas do Quinta Nova Reserva tinto 2013 (Douro), duas garrafas do Quinta Fonte do Ouro Touriga Nacional tinto 2014 (Dão), duas garrafas do Quinta Monte d’Oiro Reserva tinto 2012 (Lisboa), duas garrafas do Hexagon tinto 2012 (Setúbal) e duas garrafas do Esporão Private Selection tinto 2012 (Alentejo). Para além disso, todos os sócios do clube receberão de dois em dois meses uma proposta de dois vinhos de dois produtores diferentes.

O ‘Clube Blend 6’ refere também que pretende desta forma “diminuir o espaço normal que existe entre o produtor e o consumidor de vinhos. É importante que os nossos sócios se familiarizem com aqueles aspetos fundamentais que levam à criação dos grandes vinhos das nossas operações.”