Distribuição

Continente adquiriu 12 milhões de toneladas de produtos nacionais em 18 anos

Ondina Afonso - Presidente Clube de Produtores Continente

Em 18 anos de atividade, o Clube de Produtores Continente já adquiriu um total de 12 milhões de toneladas de produtos nacionais, num valor de 3 mil milhões de euros. De acordo com o Continente, estes números refletem a dimensão e a importância da plataforma.

Só em 2016, a iniciativa da insígnia comprou um total de 144 mil toneladas de produtos nacional, no valor de 250 milhões de euros.

Em comunicado, o Clube de Produtores Continente explica que o objetivo da iniciativa é “alavancar os produtos nacionais, através da promoção de parcerias estratégicas entre os produtores e o Continente, reforçando a competitividade dos seus produtos por forma a que a oferta seja de excelência. No universo de produtores, contam-se cerca de 185 produtores-parceiros – entre organizações de produtores e agricultores individuais – das áreas de frutas e legumes, charcutaria, padaria e pastelaria, carne e peixe.”

Entre as iniciativas que o Clube de Produtores Continente tem vindo a implementar, destaque para a criação da Academia do Clube de Produtores, um programa de capacitação dos produtores Continente, desenvolvido em parceria com a Sonae Retail School, no qual os produtores convidados recebem formação nas áreas de produção, qualidade, logística, mercado e consumo, numa abordagem de parceria estratégica.

Ondina Afonso, Presidente do Clube de Produtores Continente, afirma que “estamos a atuar cada vez mais de perto dos produtores e assim a consolidar a nossa relação com cada um deles. Ambicionamos ser a plataforma de referência entre a produção nacional e a grande distribuição, um compromisso que só é possível graças ao apoio que temos vindo a dar aos produtores, especialmente, nas questões de competitividade, de dimensão, de inovação, de qualidade e de segurança alimentar. Para tal, temos, por exemplo, disponível um conselho científico e um conjunto de investigadores especializados, para criar as melhores soluções e levarem às origens o seu conhecimento e a tecnologia necessária para aperfeiçoar os negócios dos produtores. É esse o caminho que queremos fazer com eles.”