Agricultura

25% da agricultura Argentina está em risco por causa de cheias

25% da agricultura da Argentina em risco por causa das cheias

As cheias na Argentina poderão colocar em risco cerca de um terço de toda a produção agropecuária do país. De acordo com a publicação argentina La Nación, em causa está 25% da agricultura e 26% da produção pecuária do país.

Na região de Buenos Aires, estima-se que as perdas cheguem aos 60% na produção leiteira, uma vez que a província tem sido uma das mais afetadas pelas cheias. Segundo a publicação, que cita dados da Confederação de Associações Rurais de Buenos Aires e La Pampa (Carbap), os prejuízos podem também chegar a culturas importantes para agricultura do país, como é o caso do milho e da soja.

No caso do trigo, cerca de 150 000 hectares estão em risco de não serem sequer plantados, um número que vem somar aos 80 000 hectares já perdidos desta cultura.

De acordo com as estimativas da organização, a superfície não plantada por excesso de humidade pode chegar aos 2,5 milhões de hectares.