Cereais

Aumenta a procura de milho grão

Aumenta a procura de milho grão

A cultura do milho ocupa, atualmente, em Portugal, um total de 118 220 hectares. De acordo com os dados do IFAP e da Direção Regional de Agricultura dos Açores (Draca), citados pela Anpromis, desta superfície, 70 078 hectares destinam-se à produção de grão e 48 142 hectares à produção de silagem.

De acordo com a Anpromis, estes números revelam uma inversão na tendência de decréscimo de superfície agrícola dedicada à cultura do milho, registando-se um aumento de 2 553 hectares relativamente a 2017.

A associação refere que “este aumento deve-se a dois fatores essenciais: redução da área de certas culturas arvenses de regadio e valorização da produção nacional de milho grão, que se traduziu numa maior procura por parte da indústria agroalimentar.”

A maior área de milho continua a verificar-se no Norte (42 499 hectares), seguindo-se o Centro (26 206 hectares), Lisboa e Vale do Tejo (22 828 hectares), Alentejo (14 447 hectares), Açores (12 232 hectares) e Algarve (42 hectares). A análise por distritos revela que quem lidera é Santarém, com mais área dedicada a esta cultura (19 507 hectares), seguindo-se Braga (15 756 hectares) e Porto (13 303 hectares).