Pecuária

CDS pede esclarecimentos sobre tratamento de efluentes suinícolas em Leiria

CDS pede esclarecimentos sobre tratamento de efluentes suinícolas em Leiria

O CDS-PP pediu esclarecimentos ao Ministério de Agricultura sobre as ações tomadas pelo Governo para garantir uma solução de financiamento para a Estação de Tratamento de Efluentes Suinícolas (ETES) da região de Leiria, conta o Diário de Leiria.

De acordo com a publicação regional, “o financiamento comunitário de 9,1 milhões de euros, que iria ajudar na construção da ETES, estará perdido, uma vez que o processo não avançou, porque os suinicultores não garantiram o diferencial entre a verba dos fundos nacionais e comunitários, falhando o prazo do final do ano para apresentar esse compromisso financeiro.”

Segundo o partido, esta obra é “essencial para a resolução da poluição da bacia hidrográfica do Rio Lis”, que pesar de ser um problema ambiental ” não deixa de ser consequência de uma atividade agrícola”.

O CDS quer ainda saber de que forma é que o ministro da Agricultura vê “o futuro da produção da pecuária” em Leiria caso se confirme o não financiamento da ETES. De acordo com o Diário de Leiria, que cita uma nota do CDS-PP, a região de Leiria é responsável por cerca de 15% da produção suinícola nacional, sendo responsável por 7000 postos de trabalho diretos e indiretos.