Floresta

Governo lança novo apoio à reflorestação em áreas ardidas

Governo lança novo apoio à reflorestação em áreas ardidas

O Governo vai lançar no próximo ano uma nova medida de apoio à reflorestação de áreas ardidas em 2017. A notícia foi avançada pelo secretário de Estado das Florestas, Miguel Freitas, que explicou também que estas medidas abrem ainda este verão.

“Estamos a preparar a próxima época. Essa sim, já é uma época em que podemos começar a fazer a reflorestação dessas áreas ardidas”, explicou o governante, acrescentando que as áreas ardidas são reflorestadas após, pelo menos, a passagem de duas campanhas para “perceber o que é que vai acontecer nas áreas ardidas e só depois fazer a reflorestação”.

Em 2018, para as áreas onde já sabia que não havia regeneração natural, o Executivo abriu um anúncio de apoios financeiros para iniciar a reflorestação. De acordo com o secretário de Estado, a medida conta com 2,5 milhões de euros para o Pinhal Interior “para fazer a reflorestação das áreas de proteção”. Para além disso, foi aberta uma outra medida para atuação em sítios onde o pinheiro não tinha hipóteses de regenerar.