Molécula presente na azeitona pode reduzir transmissão do VIH

Casa Anadia inicia exportação de azeite para China

As propriedades antivirais e anti-inflamatórias da molécula hidroxitirisol, presente na azeitona, podem reduzir a transmissão do VIH (sida), segundo uma investigação do Instituto Carlos III, em Espanha.

O hidroxitirisol foi encontrado com altas concentrações na folha da oliveira e também no azeite extra virgem, embora em menores quantidades, avança o portal Olive Oil Times.

Com a descoberta das potencialidades desta molécula, a empresa espanhola, Seprox, desenvolveu uma modificação enzimática do hidroxitirisol, de forma a potenciar as suas características antivirais e anti-inflamatórias.

O novo microbicida difere de outros produtos atualmente disponíveis no mercado, na medida em que impede a integração dos genes do VIH na pessoa infetada.

O projeto, financiado pela Comissão Europeia, já demonstrou uma taxa de 100% de sucesso em testes in vitro e deve, brevemente, começar a ser testado em primatas.