Agricultura

Produtores de plantas holandeses só querem trabalhar com portugueses

Empresa agrícola holandesa só quer trabalhar com portugueses

A freguesia de S. Teotónio, no concelho de Odemira, é já considerada “a capital da Bulgária” em Portugal. Isto porque na região, os empresários agrícolas nacionais que apostam na produção intensiva em estufas preferem contratar estrangeiros. Mas de acordo com uma reportagem publicada pelo jornal Público, há uma empresa holandesa na região que não abre mão da contratação de trabalhadores portugueses.

O exemplo é da Amigo Plantas Portugal, empresa holandesa que se dedica ao cultivo de plantas num total de 20 hectares, 3,5 hectares dos quais em estufa. Só na cultura das plantas trabalham cerca de 50 portugueses, revela o jornal. No total, a companhia emprega 130 pessoas em Portugal e na Holanda e produz 450 mil exemplares de plantas por semana que vende para retalhistas como o Aldi, Lidl, Carrefour, Tesco e IKEA.

Gerard Van Langen, responsável pela empresa holandesa citado pelo Público, refere que aqueles que trabalham na sua empresa “ganham acima da média” e recebem formação. O jornal refere ainda que, desde que chegou à região de Odemira, o empresário já investiu cerca de dois milhões de euros, nomeadamente em material, turfa, fertilizantes, material de rega e de estufas, reparações, viaturas e serviços adquiridos em Portugal.