Agricultura

Syngenta distingue sustentabilidade agrícola

Syngenta distingue sustentabilidade agrícola

A Aposolo, a Fertiprado e os projetos Milho Amarelo e Smart Farm foram distinguidos pela Syngenta “pelo seu contributo para a sustentabilidade da agricultura em Portugal”.

Felisbela Torres de Campos, responsável de Registo & Assuntos Corporativos da Syngenta em Portugal, sublinha que “o reconhecimento destes quatro projetos, que direta ou indiretamente estão relacionados com o The Good Growth Plan, é uma grande oportunidade para dar a conhecer ao cidadão comum o elevado nível de compromisso que todo o setor agrícola tem para com as questões da Sustentabilidade e a preservação dos recursos naturais do planeta.”

A distinção da Aposolo está relacionada com o desenvolvimento da Agricultura de Conservação no país, nomeadamente pelo projeto que a associação tem, em conjunto com a Syngenta, para melhorar 21 771 hectares de solos agrícolas do país.

A Fertiprado, por sua vez, foi premiada pelo seu trabalho no melhoramento de sementes de pastagens e forragens como solução para a sustentabilidade dos sistemas agropecuários.

A Syngenta premiou ainda o projeto Milho Amarelo, uma iniciativa com dez anos e que está a implementar um novo modelo de gestão da biodiversidade a baixo custo, na Quinta Cholda, na Golegã, e o Smart Farm da Anipla, uma quinta modelo de demonstração e divulgação de boas práticas agrícolas recomendadas pela Indústria Fitofarmacêutica, instalada na Companhia das Lezírias.