Agricultura

Xylella fastidiosa detetada na zona de Madrid

CDS questiona Governo sobre plano de contenção relativo à Xylella fastidiosa

Foi detetado esta semana, em Villarejo de Salvanés, perto de Madrid, um novo foco de xylella fastidiosa. De acordo com a publicação espanhola Olimerca, a doença foi detetada em três propriedades agrícolas, estimando-se que tenha afetado cerca de 300 oliveiras que serão arrancadas para evitar a propagação.

O secretário geral de Agricultura espanhol, Carlos Cabanas, já confirmou à imprensa do país que foi estabelecido um perímetro de segurança de cerca de 5 quilómetros com o objetivo de garantir que a bactéria não chega a mais nenhuma exploração agrícola da região.

O Governo espanhol já enviou entretanto uma mensagem aos agricultores do país, pedindo tranquilidade no setor porque acredita que o plano de segurança posto em marcha pelas entidades responsáveis “está a funcionar”.

Já em fevereiro deste ano, o Conselho de Agricultura da Comunidade Valenciana, em Espanha, tinha anunciado a deteção do sexto foco de xylella fastidiosa na região de Alicante.

Nos últimos anos têm-se multiplicado o número de casos de focos de xylella fastidiosa na Europa, sobretudo em Itália, França e Espanha, tendo sido já abertos vários estudos em universidades e centros de investigação da Europa com o objetivo de encontrar uma solução para a bactéria.