Agricultura

Incêndio em Santo Tirso motiva demissão de diretor-geral da DGAV

Fernando Bernardo, diretor-geral da Direção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV), apresentou a demissão à ministra da Agricultura. O pedido estará relacionado com o incêndio que deflagrou no abrigo ilegal em Santo Tirso e que vitimou dezenas de animais.

“Confirma-se que, a pedido do prof. Doutor Fernando Manuel d’Almeida Bernardo, a senhora Ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes(*), determinou a sua cessação da comissão de serviço no cargo de Diretor-Geral de Alimentação e Veterinária”, refere resposta do Ministério da Agricultura à publicação Notícias ao Minuto.

As razões da demissão não foram confirmadas formalmente, contudo, surgem depois de a DGAV ter sido criticada pelo primeiro-ministro, António Costa, que afirmou que a entidade não tem revelado competência para a proteção de animais de companhia.

(*) Nota da redação: A ministra da Agricultura passou a adotar institucionalmente o nome de solteira, Maria do Céu Antunes.