- Vida Rural - https://www.vidarural.pt -

Lemos Figueiredo dá uma nova vida à “fruta feia”

Lemos Figueiredo – Adega das Frutas de Alcobaça [1], uma empresa familiar dedicada à produção de bebidas artesanais utilizando as frutas da região [2], lançou o dry gin Casanova, que utiliza Maçã de Alcobaça “feia”, não comercializável. A empresa afirma, em comunicado, que este “é o primeiro gin em garrafa de vidro reciclado”, sendo que possui um rótulo de papel cotton, reciclável, biodegradável e livre de plástico.

“Estima-se que, na União Europeia, 50 milhões de toneladas de frutas e legumes vão para o lixo todos os anos e em Portugal, segundo o PERDA, 1/3 da fruta produzida também é desperdiçada. São números alarmantes e com grande impacto a nível ambiental e social”, explica a master distiller e responsável de marketing da adega, Mariana Figueiredo.

 banner APP [3]

A responsável revela: “Com o Casanova, quisemos dar o nosso contributo para travar esses números, usando exclusivamente a maçã habitualmente rejeitada pelo consumidor por não ser bonita. Mas fomos mais além, com uma garrafa reciclada e um rótulo também sustentável”.

A Lemos Figueiredo recorda que por cada 6 toneladas de vidro reciclado utilizado, a produção de CO2 é reduzida em uma tonelada.