AgroIn 2018

AgroIN: a sustentabilidade compensa

AgroIN: a sustentabilidade compensa

Desde a experiência da agroflorestal no Brasil, um sistema também já usado em Portugal, ao papel que a agricultura sustentável pode ter no desenvolvimento dos territórios rurais, a 5ª edição do AgroIN permitiu ficarmos a saber que a sustentabilidade compensa.

Há muitas razões para os agricultores enveredarem por uma agricultura de conservação, como explicou Manuel Campilho da Lagoalva, para gerir os ecossistemas de uma exploração, como tão bem exemplificou o Nuno Oliveira do Esporão, ou para ‘aproveitar’ as alterações climáticas para fazermos uma agricultura mais sustentável, caso de João Coimbra na Quinta da Cholda.

Eduardo Diniz do GPP explicou que também há apoios da UE para a sustentabilidade, enquanto Filipe Santos do INESC TEC e Tiago Domingos da Terra Prima mostraram que existe tecnologia e conhecimento para eco inovar na agricultura, é só os agricultores quererem.

A reportagem completa sobre este evento será publicada na edição de maio da revista Vida Rural.