Quantcast
Economia

Angola ainda gasta 450 M€ em alimentos e produtos agrícolas

A balança comercial de Angola voltou a ter saldo positivo de 5100 milhões de euros no terceiro trimestre de 2016. Ainda assim, o país continua a gastar 450 milhões de euros só na importação de alimentos e produtos agrícolas.

Os dados são do Instituto Nacional de Estatísticas de Angola, citado pela Lusa, e revelam que as importações angolanas desceram para 2500 milhões de euros, uma quebra de cerca de 20% face ao período homólogo.

Por outro lado, as exportações chegaram aos 8 mil milhões de euros entre julho e setembro de 2016, um crescimento de 32,5% em termos homólogos que colocou a balança comercial do país em terreno positivo.

De acordo com a Lusa, “estes resultados são influenciados, nomeadamente, pelo comportamento do preço do petróleo, principal produto de exportação de Angola, que depois de atingir mínimos de vários anos voltou a subir no final do segundo trimestre.”

Recentemente, o Governo angolano anunciou que irá alocar 10% das suas receitas fiscais associadas à importação de produtos agrícolas ao financiamento do Fundo de Apoio ao Desenvolvimento Agrário (FADA), uma medida para dinamizar a produção nacional.