Agricultura

ANIPLA reforça papel do setor agrícola na produção de alimentos seguros

Preocupação dos consumidores com a biodiversidade pode ser catalisador de mudança na agroindústria

O dia internacional da Biodiversidade é assinalado a 22 de maio e, perante os complexos desafios económicos e sociais de 2020, a ANIPLA – Associação Nacional da Indústria para a Proteção das Plantas relembrou “o papel crucial do sector agrícola na produção de alimentos seguros e, por consequência, na vitalidade do planeta”.

“Num ano em que também se assinalam as celebrações da Sanidade Vegetal, a segurança alimentar assume um papel central e, em plena crise, o sector agroalimentar prova a sua importância na preservação e segurança ambiental”, refere a associação em comunicado, destacando ainda o desafio enfrentado pelos agricultores de “aumentar a produtividade agrícola enquanto se mantém, ou promove a biodiversidade”.

De acordo com a ANIPLA, “produzir a quantidade de alimentos necessária, assegurando a defesa dos solos, altamente ameaçados pelas alterações climáticas e outros fatores externos, é uma luta efetiva, assumida na linha da frente pelo sector agrícola”.

A associação destaca ainda que “a adoção de metodologias e o uso de ferramentas que assegurem a melhor gestão agrícola podem ser fator-chave no combate aos inimigos das culturas (evitando perdas), na preservação e manutenção da fauna, flora e de uma alimentação segura”.

“A adoção de boas práticas agrícolas e o apoio da investigação e da ciência, correm lado a lado neste permanente caminho de proteção da biodiversidade”, conclui o comunicado.

Para António Lopes Dias, diretor executivo da ANIPLA, “importa marcar esta e outras datas, associadas à defesa do planeta, relembrando que alimentar toda a população de forma segura e suficiente não é um dado adquirido”.