Vinha e Vinho

Governo alarga seguro vitícola de colheitas aos Açores e à Madeira

Feira Nacional de Agricultura recebe Phil Hogan

Os produtores de vinho das regiões autónomas dos Açores e da Madeira têm agora acesso ao seguro vitícola de colheitas.

A medida foi publicada em Diário da República esta semana e vai abranger mais de 2000 agricultores e cerca de 1500 hectares de plantação de vinhas nas regiões autónomas dos Açores e da Madeira com o objetivo de “reduzir os custos relacionados com a contratação dos seguros vitícolas, protegendo assim os rendimentos dos agricultores, numa altura em que as alterações climáticas e as pragas geram incerteza na produção e na rentabilidade da vinha.”

De acordo com a portaria publicada pelo Ministério da Agricultura, o prémio do seguro é subsidiado, a fundo perdido, até 75% caso se trate de um seguro individual, e até 80%, caso se trate de um seguro coletivo.