Agricultura

‘Lesados pelos javalis’ vão manifestar-se esta quarta-feira

Período de licenciamento das caçadas a javalis alargado até dia 30 de setembro

Um grupo de agricultores da região Centro, lesados pelos javalis e por outros animais selvagens, vai concentrar-se na próxima quarta-feira (31 de julho) em frente ao Ministério da Agricultura, em Lisboa, com o objetivo de chamar a atenção do Governo “para o grave problema dos prejuízos causados à Lavoura – à agricultura familiar – em vastas regiões do país, e no Centro em especial”, provocado pelos javalis.

Em comunicado de imprensa, a CNA, confederação que está a promover esta manifestação, refere que “dada a situação descontrolada em que se encontram as populações desses animais selvagens e o elevado montante dos prejuízos, ao Ministério da Agricultura e ao Governo em especial compete acudir à situação dos muitos agricultores lesados”.

O objetivo da CNA e das suas associações filiadas, é a reclamar a atribuição de indemnizações aos lesados pelos prejuízos, bem como medidas para o controlo das populações desses animais.

“Os agricultores, nomeadamente os da agricultura familiar, não podem ‘ser obrigados’ a alimentar os animais selvagens à custa das produções agrícolas e até florestais. Os prejuízos elevados que se verificam – até agora sem indemnizações – levam mesmo a que muitos e muitos dos agricultores lesados tenham que abandonar a produção!”, avança esta confederação.

Saliente-se que as Organizações promotoras desta Concentração já tinha entregue, no passado dia 17 de abril, ao Diretor-Regional da DRAP Centro, um documento dirigido ao Ministro da Agricultura sobre a situação e com as reclamações dos agricultores lesados “documento esse que, até hoje, não recebeu resposta do Ministério da Agricultura”, explica a CNA.