Quantcast
OGM

Maçãs geneticamente modificadas aprovadas nos EUA

Maçãs geneticamente modificadas aprovadas nos EUA

O US Department of Agriculture Animal Plant Health Inspection Services, dos Estados Unidos da América aprovou as maçãs geneticamente modificadas Arctic Granny e Arctic Golden. De acordo com a entidade, estas variedades do fruto não representam um perigo para o ambiente e é improvável que tragam problemas para a saúde pública.

Desenvolvidas pela Canadian Okanagan Specialty Fruits, estas maçãs OGM “são resistentes ao apodrecimento e quando sujeitas a pancadas, o interior da maçã mantém-se intacto sem qualquer escurecimento, o que não acontece com as convencionais”, refere a empresa responsável pelas variedades.

Em 2016, já estarão disponíveis pequenas quantidades destas maçãs destinadas para testes.