- Vida Rural - https://www.vidarural.pt -

Período crítico de incêndios prorrogado até 15 de outubro

O secretário de Estado das Florestas assinou esta semana a portaria que prorroga o período crítico de incêndios, no âmbito do Sistema de Defesa da Floresta contra Incêndios, até ao próximo dia 15 de outubro.

Normalmente, este período dura até 30 de setembro, contudo, “por força das circunstâncias meteorológicas excecionais”, o secretário de Estado Amândio Torres decidiu prolongar este período, mantendo os dispositivos de vigilância e combate a incêndios em estado de alerta.

banner APP [1]

Para Amândio Torres, “as condições meteorológicas determinam a adoção desta medida, tendo em conta que se prevê tempo seco e quente e ventos, ou seja, a conjugação de fatores “amigos do fogo”, que ajudam à propagação de incêndios e que podem transformar qualquer pequena ocorrência num enorme desastre”. Por isso, continua o Secretário de Estado, “penso que se justifica este esforço acrescido das instituições, nomeadamente das corporações de bombeiros, cujos elementos estão nesta altura já exaustos, tendo em conta o nível de esforço que lhes tem sido exigido”.

Durante o período crítico de incêndios é proibido, nos espaços florestais ou agrícolas, fumar, fazer lume ou fogueiras, fazer queimadas, lançar foguetes e balões de mecha acesa, fumigar ou desinfetar apiários, salvo se os fumigadores estiverem equipados com dispositivos de retenção de fagulhas, e fazer circular tratores, máquinas e veículos de transporte pesados que não possuam extintor, sistema de retenção de fagulhas ou faíscas e tapa chamas nos tubos de escape ou chaminés.