Quantcast
Hortofrutícolas

Produtores nacionais de hortofrutícolas querem exportar 2 mil M€ até 2020

Produtores nacionais de hortofrutícolas querem exportar 2 mil M€ até 2020

A Portugal Fresh quer atingir um volume de exportações de frutas e legumes de 2 mil milhões de euros até 2020. De acordo com a associação, que entre os próximos dias 23 e 25 de outubro vai estar em Madrid na Fruit Attraction, a previsão é de que as exportações de hortofrutícolas nacionais para o mercado espanhol cheguem já aos 500 milhões de euros até 2019.

No âmbito da Fruit Attraction, a Portugal Fresh apresentará 42 empresas, associações e parceiros nacionais com o objetivo de mostrar o melhor que se produz no país. O mercado espanhol é um dos focos, já que em 2017 permitiu arrecadar 450 milhões de euros em vendas só nesta fileira. “O objetivo dos produtores é, agora, atingir a fasquia dos 500 milhões de euros”, revela a Portugal Fresh.

“Se mantivermos o ritmo de crescimento médio anual das exportações que temos registado desde 2010, na ordem dos 10%, podemos ambicionar, muito em breve, chegar a esse montante”, refere o presidente da Portugal Fresh, Gonçalo Santos Andrade.

A associação revela ainda que mantém o objetivo de chegar aos 2000 milhões de euros de exportações em 2020. Atualmente, Espanha representa 30,5% das exportações de frutas, legumes e flores nacionais, seguida de França (12,1%), Reino Unido (9,4%), Holanda (8,2%) e Alemanha (6,3%).

Em termos globais, as exportações da fileira aumentaram 12% em 2017, alcançando 1472 milhões de euros e valendo já 55% da produção nacional.