Hortofrutícolas

Turismo do Algarve quer elevar laranja a cartão de visita da região

Turismo do Algarve quer elevar laranja a cartão de visita da região

O presidente da Região do Turismo do Algarve, João Fernandes, afirmou esta semana em declarações à Lusa que é essencial integrar na oferta do turismo a laranja do Algarve como valor acrescentado, “seja num pequeno almoço, numa sobremesa ou mesmo em sumos, na hotelaria ou na restauração”. Com 70% do total da produção nacional de laranja concentrada na região, o Algarve produz 340 mil toneladas por ano distribuídas pelos mais de 15 mil hectares plantados.

Pedro Monteiro, diretor regional da Agricultura, explica que se deve incentivar o consumo de laranja entre os turistas da região durante a sua estadia, mas, sobretudo, quando estes regressam aos seus países de origem, “depois de experienciarem o prazer que é deliciarem-se com uma laranja do Algarve”, uma forma de “a procurarem lá fora, o que permite e melhora a exportação da laranja nos mercados externos”.

Os citrinos do Algarve possuem, desde 1994, Indicação Geográfica Protegida (IGP).