Quantcast
Vinha e Vinho

Vinhos do Tejo aumentam certificação em 11%

vinhos do tejo

O número de vinhos do tejo certificados aumentou 11% nos primeiros quatros meses do ano, informa a Comissão Vitivinícola Regional do Tejo (CVR Tejo) em comunicado de imprensa.

Esta entidade adianta mesmo que, olhando para os dados de 2021, “o mês de Abril foi o melhor mês de sempre, com 3,6 milhões de litros de vinho certificado, entre DOC DoTejo e IGP Tejo. De Janeiro a Abril, passaram pelo crivo de qualidade da Comissão Vitivinícola Regional do Tejo (CVR Tejo) 11,3 milhões de litros, o que corresponde a um aumento de 11%, em volume, relativamente a igual período do ano passado – com 10,4 milhões de litros a quatro meses e quase 30 milhões nos 12 meses”

Nota ainda para a recuperação dos vinhos DOC Do Tejo, com um aumento de 26,6%, o que se traduz em 800.000 litros. Um número que sobe aos 10,5 milhões de litros quando falamos de vinhos com selo de garantia Indicação Geográfica Protegida (IGP) Tejo, também em crescendo, na ordem dos 10%.

“Isto é, sem dúvida, reflexo de que os Vinhos do Tejo continuam no bom caminho e que estão a beneficiar do aumento de notoriedade e da quota de mercado já conseguida. A continuar assim, podemos vir a ultrapassar bastante o objetivo de crescimento fixado para este ano: previu-se um aumento de 5% face a 2020, ano que que os Vinhos do Tejo levaram à certificação quase 30 milhões de litros, ultrapassando todas as expectativas, mesmo as que estavam previstas para 2023. A manter-se esta performance, poderemos chegar aos 33 milhões de litros.”, comenta Luís de Castro, presidente da CVR Tejo.