Floresta

Quais os cogumelos selvagens que podem ser comercializados?

Quais os cogumelos selvagens que podem ser comercializados?

Nas nossas florestas podemos encontrar uma grande variedade de cogumelos silvestres os quais constituem um recurso ainda pouco explorado. Apesar de existirem muitas espécies de cogumelos silvestres consideradas comestíveis, apenas cerca de vinte são apreciadas e produzidas para fins alimentares ou medicinais. De entre as espécies de cogumelos silvestres com representatividade, a nível do mercado europeu, encontram-se a trufa-negra (Tuber melanosporum), os boletos que incluem quatro espécies (Boletus edulis, Boletus pinophilus, Boletus aereus e Boletus aestivalis), o lactário-delicioso (Lactarius deliciosus), os cantarelos (Cantharellus cibarius e Craterellus tubaeformis), a trombeta-negra (Craterellus cornucopioides), a amanita-dos-césares (Amanita caesarea – Fig. 1) e as morquelas (Morchella esculenta).

No mercado português a maioria das espécies que se encontram à venda são cogumelos de cultura, produzidas em condições artificiais, continuando o “cogumelo-de-Paris” a ser o mais comercializado. Quanto aos cogumelos silvestres apenas os boletos têm representatividade, sendo também a trufa-negra e as morquelas utilizadas principalmente na restauração gourmet.

Veja o artigo completo da equipa de investigação do INIAV  aqui.