Doenças e Pragas

Espécies vegetais proibidas de sair das ilhas baleares por risco de propagação de xylella fastidiosa

azeitona

Várias espécies vegetais foram proibidas de sair do território das ilhas baleares espanholas devido ao risco de propagação da xylella fastidiosa, uma bactéria que afeta sobretudo o olival e que nos últimos anos tem destruído plantações em vários países europeus. De acordo com a Oleo Revista, o Ministério da Agricultura espanhol emitiu uma ordem que declara que se forem encontradas espécies vegetais procedentes deste território fora dele deve “proceder-se de forma imediata à sua destruição nas instalações adequadas mais próximas”.

Segundo o Ministério da Agricultura espanhol, a xylella fastidiosa é uma bactéria “com mais de 300 hospedeiros e produz graves danos em culturas muito importantes no nosso país, tal como o olival, citrinos, videira, amendoeiras, pessegueiros e espécies ornamentais”.

Uma das características desta bactéria é o enfraquecimento progressivo da planta afetada e, nos casos mais graves, pode levar à sua morte. Por outro lado, uma das coisas que tem dificultado a travagem da progressão da doença pela Europa prende-se com o facto de só manifestar sintomas em fases muito avançadas, mas existem investigadores cada vez mais perto de encontrar uma solução.