Quantcast
Agricultura

Ministra da Agricultura quer concluir negociações da reforma da PAC

IMG  scaled e

A Ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes, revelou alguns dos objetivos para o setor no âmbito da Presidência Portuguesa do Conselho da União Europeia (hoje, dia 20 de janeiro) na Comissão de Agricultura e Mar, na Assembleia da República. A conclusão da negociação da reforma da PAC, fundamental para a transição ambiental e digital, assim como a aposta no financiamento para reforçar a segurança, a qualidade e a sustentabilidade da produção agrícola nacional foram alguns dos objetivos apresentados.

Destaca-se ainda a valorização da agricultura familiar, o desenvolvimento da agricultura biológica, a continuação da execução do PDR2020 e a continuação do trabalho desenvolvido com o Programa Nacional de Regadios.

 

O reforço dos meios dos organismos do Ministério da Agricultura, nomeadamente da Direção Geral de Alimentação e Veterinária, e a continuação do programa “One Health” das Nações Unidas não foram deixados de fora.

banner APP

Na Comissão, Maria do Céu Antunes, “realçou o papel da agricultura no combate ao abandono dos territórios, na sua gestão ativa e afirmou que o Governo está a trabalhar para que Portugal seja cada vez mais uma referência a nível global”, revela o ministério, em comunicado de imprensa.

 

A Ministra da Agricultura, assim como o Secretário de Estado da Agricultura e do Desenvolvimento Rural, Rui Martinho, destacaram também a importância do setor agrícola perante a pandemia.

O Ministério recorda que ao longo de 2020 “foram efetuados pagamentos ao setor agrícola e florestal no valor de 1582 milhões de euros, o que representa um acréscimo de 168 milhões de euros face ao ano anterior”.