Quantcast
Financiamento

Orçamento do programa VITIS é reforçado e atinge os 57 milhões de euros

VITIS: candidaturas abertas até 15 de novembro

O Ministério da Agricultura anunciou que vai reforçar a dotação orçamental do Regime de Apoio à Reestruturação e Reconversão da Vinha (VITIS), relativa à campanha 2021/2022, para 57 milhões de euros. Em comunicado, o Governo revela que o reforço se deve “de modo a dar resposta ao elevado nível de adesão a esta medida de apoio e a corresponder às expectativas dos candidatos”.

Face ao aumento da dotação, o prazo de decisão das candidaturas VITIS foi prorrogado para 21 de junho.

Quanto à campanha 2020-2021, o Ministério revela a prorrogação de vários prazos, face à situação pandêmica:

  • Apresentação do pedido de pagamento – 16 de julho de 2021
  • Alteração das candidaturas, com investimento já realizado – 30 de junho de 2021
  • Alteração das candidaturas, com pedido de pagamento antecipado – 15 de junho de 2022

Segundo a Ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes, “o Programa VITIS tem tido uma grande adesão por parte dos viticultores e tem sido estruturante para a modernização e sustentabilidade do setor”.

“Recorde-se que, apesar da pandemia, o setor vitivinícola nacional tem vindo a demonstrar uma resiliência exemplar. O setor tem mantido uma tendência exportadora, refletindo uma clara valorização dos nossos vinhos e, para tal, muito tem contribuído o aumento de qualidade e de produtividade, indissociáveis do rejuvenescimento e da modernização, também promovidos pelo Programa VITIS”, acrescentou.