Produção Nacional

Carne Angus já está em toda a rede Pingo Doce

Já foi assinada a portaria que estabelece as condições de acesso a uma nova linha de crédito para ajudar os produtores pecuários afetados pela seca e que tem um valor global de 5 milhões de euros.

Chega esta semana a toda a rede de supermercados Pingo Doce carne bovina da raça a Aberdeen Angus. Produzida por cerca de 40 produtores nacionais, a carne que já está nas lojas desta insígnia enquadra-se na aposta que a empresa tem vindo a fazer na área dos frescos.

Em 2006, o Pingo Doce iniciou o projeto da carne Angus, uma raça de origem escocesa, com dois parceiros irlandeses. Seis anos depois o Pingo Doce estabeleceu uma parceria com a Associação Aberdeen Angus Portugal e com a CERTIS, a empresa certificadora que assegura a autenticidade da carne, para que esta promovesse a produção de Angus em Portugal. Desde então, a insígnia tem vindo a trabalhar no sentido de incentivar os produtores portuguesas a integrarem a carne Angus na sua oferta.

José Salgueirinho, Diretor Comercial de Talho do Pingo Doce, afirma que “é com enorme satisfação que, hoje, lançamos nas mais de 400 lojas Pingo Doce uma carne com qualidade reconhecida internacionalmente e que, no passado, era produzida apenas fora do país. O desenvolvimento deste projeto permitiu gerar valor económico junto dos fornecedores nacionais, resultando também em ganhos de eficiência e na redução da pegada de carbono pela diminuição da distância de transporte.”

A carne Angus está disponível na zona de talho das lojas Pingo Doce já cortada e embalada em diversas peças, “nomeadamente acém redondo, o corte mais premium, a vazia, a mais procurada, ou os hambúrgueres que são novidade no mercado”, explica a insígnia em comunicado.

Para comunicar este lançamento, o Pingo Doce inicia hoje (7 de junho) uma campanha em todas as lojas que inclui um folheto explicativo desenvolvido com o objetivo de ajudar os clientes a saberem como escolher e confecionar as diferentes peças de Angus.