Gastronomia

Gastronomia “é uma das nossas referências identitárias mais importantes”

Amândio Torres, Secretário de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural, defendeu recentemente que “a Gastronomia é um excelente cartão de visita de Portugal e é sem dúvida uma da nossas referências identitárias mais importantes, faz parte do nosso DNA”. As declarações foram proferidas à margem de uma cerimónia de instituição do Dia Nacional da Gastronomia, celebrado, pela primeira vez, em Aveiro.

Durante a intervenção, o Secretário de Estado referiu que “o Dia Nacional da Gastronomia é uma manifestação coletiva que releva o potencial produtivo do nosso território, que enaltece a biodiversidade, os nichos sociais e económicos que, independentemente da sua dimensão, todos somados são relevantes para a manutenção da coesão do nosso território, e em particular dos espaços rurais”.

Amândio Torres aproveitou também a ocasião para apresentar a plataforma interativa dos ‘Produtos Tradicionais Portugueses’, uma plataforma digital que resulta de uma parceria entre a Federação Portuguesa das Confrarias Gastronómicas e a Direção Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural e que estará associada à marca coletiva “Tradiocional.pt”, cujo logotipo foi desenvolvido pelos alunos da Universidade de Aveiro.

O Secretário de Estado explicou que esta plataforma abre “uma porta de entrada para o registo e promoção de muitos outros produtos da gastronomia tradicional por vezes esquecidos nas localidades e regiões de Portugal”.