Tendências

Sabe que tendências vão influenciar o setor agroalimentar?

Sabe que tendências vão influenciar o setor agroalimentar?

A PortugalFoods reuniu recentemente os seus associados para apresentar-lhes as dez grandes tendências mundiais que vão influenciar o setor agroalimentar no ano de 2015.

A análise foi feita pela consultora Innova e inclui mudanças no comportamento dos consumidores e nas estratégias comerciais da indústria agroalimentar:

1-      Etiquetas mais claras: Durante este ano, os alimentos biológicos, naturais e sem conservantes vão continuar a ganhar força. Assim, os selos e certificações serão impressos em áreas mais visíveis das embalagens para divulgar com maior transparência os atributos dos produtos;

2-      Alimentação cómoda: Os consumidores vão continuar a procurar refeições e alimentos fáceis de preparar, embora não estejam dispostos a abdicar da qualidade;

3-      Inovar para os ‘Millennials’: Os jovens entre os 15 e os 35 anos vão estar cada vez mais conscientes dos hábitos alimentares saudáveis e vão querer compreender e conhecer tudo o que está por detrás das marcas que compram. Mais informados e conectados, estes consumidores vão querer experimentar produtos novos, independentemente da marca;

4-      Snacks saudáveis: Os snacks saudáveis, produzidos a partir de frutas e legumes, vão estar cada vez mais na moda e alguns vão ambicionar substituir as sobremesas depois das refeições;

5-      Açúcar e gorduras vão ser olhados de outra forma: Os consumidores continuam a recear os açúcares e as gorduras pelos seus efeitos nocivos na saúde. No entanto, este ano, haverá uma tendência para olhar para estes elementos como positivos para a saúde, desde que nas quantidades certas.

6-      Proteínas vão ser cada vez mais procuradas: Estão a aparecer com cada vez mais frequência novas fontes de proteína, com o crescimento do consumo de algas, insetos e alguns “superalimentos”, como a chia e a quinoa. As proteínas animais vão ser cada vez menos procuradas, tendência que vai ao encontro de movimentos de proteção dos animais que vão surgindo um pouco por todo o lado;

7-      Inovação à base de fruta: A fruta será cada vez mais a fonte de inspiração para inovar no setor agroalimentar, quer seja em snacks ou iogurtes e sumos.

8-      Alimentos congelados: O consumidor vai começar a olhar para os alimentos congelados de outra forma, sobretudo, devido ao facto de conservarem as propriedades nutricionais e por ser convenientes;

9-      Marcas de distribuição vão ser mais valorizadas: As marcas de distribuição vão ser cada vez mais valorizadas e vão deixar de ser conotadas como produtos se baixa qualidade;

10-    Textura crocante: Por fim, em 2015, os consumidores vão valorizar cada vez mais a textura dos alimentos que consomem, para além do sabor e dos ingredientes que possuem.