Quantcast
 

Industriais do arroz acusam hipermercados de dumping

Industriais do arroz acusam hipermercados de dumping

Depois do leite, também os industriais do arroz pretendem avançar, já na próxima semana, com uma queixa na Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) contra os hipermercados Continente por alegadamente estarem a vender arroz abaixo do preço de custo.

A indústria de arroz alega que os hipermercados, nomeadamente o Continente, está a vender um quilo deste produto a 28 cêntimos, preço conseguido com descontos em cartão cliente (preço base de 1,04 euros), avança o jornal Público. Perante esta situação, Pedro Monteiro, secretário-geral da Associação Nacional dos Industriais de Arroz (ANIA), afirmou que “já formalizamos uma queixa há dois anos, que resultou numa multa, e vamos fazê-lo de novo”. O setor quer unir-se com o do leite e outras fileiras para denunciar as alegadas práticas de venda com prejuízo.

banner APP

O cenário da crise tem pressionado as cadeias de distribuição a fixarem preços baixos, contudo, ao oferecer ao cliente final um preço inferior ao que foi pago ao fornecedor, “a distribuição está a penalizar tanto os estabelecimentos concorrentes como os restantes produtores e marcas”, e é esta disparidade que a ANIL e a ANIA contestam.