Agricultura

PAN quer suspensão de colheita mecanizada de azeitona durante a noite

PAN quer suspensão de colheita mecanizada de azeitona durante a noite

Espanha decidiu suspender a colheita mecanizada de azeitona entre o pôr do sol e o amanhecer até que seja elaborada uma avaliação do impacto ambiental da atividade sobre a fauna. O PAN que que Portugal siga o exemplo e pede a suspensão da colheita de azeitona mecanizada durante o período da noite para proteger as aves migratórias.

Recorde-se que, no final de 2018, um relatório da junta de Andaluzia dava conta do impacto que a apanha noturna de azeitona por meios mecânicos tinha na avifauna local. Só naquela região de Espanha, entre 2017 e 2018, morreram mais de dois milhões e meio de aves.

Na altura, a organização ambientalista Quercus veio afirmar que a colheita mecanizada de azeitona é “mais um dos grandes problemas ambientais causados pelas práticas do olival intensivo e superintensivo, que nas últimas décadas se tem instalado descontroladamente na Península Ibérica”.

Já no ano passado, depois de ter sido questionado pelo PAN, o ministério da Agricultura avançou, através do Instituto de Conservação da Natureza e Florestas, que “determinou a realização de um estudo e o acompanhamento desta situação, para avaliar potenciais impactes associados a esta prática de colheita” e que o estudo irá identificar a eventual necessidade de regulamentar a atividade “com vista a minorar o impacto desta prática na biodiversidade”.

Segundo o PAN, o estudo não foi divulgado e, por isso, o partido decidiu avançar com um requerimento ao Ministério da Agricultura em que pede a suspensão da colheita mecanizada de azeitonas, na campanha de 2019/2020, entre o pôr-do-sol e o amanhecer, com base no princípio da prevenção.