Quantcast
Entrevista

“Uma estratégia não é uma rutura, é uma reforma”

Estratégia do Prado ao Prato
O eurodeputado Álvaro Amaro considera importante a Estratégia do Prado ao Prato, mas defende a sua implementação de forma gradual e não impositiva. Os Estados-membros devem aplicá-la mediante a sua realidade e majorar quem adotar as medidas.   Como olha para a Estratégia europeia do Prado ao Prato? É ambiciosa, mas também muito inconsistente. No mundo de hoje, todos nós no planeta aceitamos que é preciso diminuir a pegada alimentar e, por isso, esta estratégia vai desde a produção até…

Artigo exclusivo para utilizadores registados

É necessário iniciar sessão para ter acesso ao artigo completo

Inicie sessão .