Aloé Vera

Aloé vera é negócio?

Aloé vera é negócio?

Portugal tem boas aptidões para a cultura de aloé vera. Esta planta, também conhecida por babosa, tem diversas aplicações no campo da cosmética e da medicina e já há quem esteja a fazer testes culturais na região de Santarém.

A experiência de cultivo de aloé vera tem um ano, mas o produtor Tiago Vinagre Monteiro mostra-se satisfeito com os resultados obtidos nos seus cerca de 150 metros quadrados de campo de ensaio, em Almeirim.

Este agricultor considera que as condições edafoclimáticas de Portugal são favoráveis. As zonas de aptidão situam-se em Portugal continental, sendo que o Alentejo e o Algarve, devido ao seu clima durante todo o ano, são as que melhores resultados deverão obter.

Tiago Vinagre Monteiro pensa mesmo que o nosso país tem condições para ser competitivo e que este poderá ser um bom momento para começar a apostar no aloé vera. “Portugal poderá ser competitivo, devido à crescente procura de aloé vera. Basta irmos aos supermercados para constatar que cada vez à mais produtos que contém aloé vera. A população mundial cada vez mais se preocupa com a sua saúde e beleza, e esta planta é bastante procurada nessa via”, declarou à VIDA RURAL.

Veja reportagem completa na edição de outubro da revista VIDA RURAL.