Quantcast
Agricultura

Combate às pragas do castanheiro reforçado com mais de três milhões em Trás-os-Montes

A CIM-TTM viu aprovada cinco candidaturas, num investimento de cerca de 3,4 milhões de euros, para o combate às pragas do castanheiro.

A Comunidade Intermunicipal das Terras de Trás-os-Montes viu aprovada cinco candidaturas pelo Ministério a Agricultura, num investimento de cerca de 3,4 milhões de euros (cofinanciado pelo PDR2020). O valor vai ser investido no apoio ao combate às doenças que mais atacam o castanheiro, nomeadamente a vespa da galha, a tinta e o cancro, avança o Jornal de Notícias.

A verba para o combate às pragas do castanheiro diz respeito a candidaturas de três municípios, nomeadamente Bragança, Macedo de Cavaleiros e Vimioso, bem como da Associação APATA (Associação de Produtores Agrícolas Tradicionais e Ambientais), com sede em Mogadouro.

banner APP

Em Vinhais foram retomadas, na semana passada, as largadas de “parasitoide Torymus Sinensis”. O município viu aprovada uma candidatura com um montante de cerca de um milhão de euros.

“Estão previstas 150 largadas, no entanto, podem vir a ser consideradas largadas adicionais, onde se registarem níveis de infestação elevados”, adiantou uma fonte da câmara ao JN.